REMONTAGEM DO ESPETÁCULO “MILAGRE BRASILEIRO”

Uma das características mais marcantes do Coletivo de Teatro Alfenim é a noção de processo que pauta sua produção artística. Neste sentido, um espetáculo do grupo nunca é visto como um produto em circulação, mas como um estágio ininterrupto de formação estética e política de seus integrantes.

Remontar Milagre Brasileiro depois de duas temporadas com excelente repercussão de crítica e público, uma em João Pessoa e outra em São Paulo (ocasião em que o espetáculo foi indicado ao Prêmio Shell), além de participações em Festivais de Teatro, não deixa de ser uma nova oportunidade de experimentação. Sendo assim, com a reformulação de sua equipe, ocorrida no início de 2011, o Coletivo tem agora um novo desafio pela frente.
 foto por Raquel Diniz

Os ensaios têm se constituído como uma nova etapa de aprendizagem, tanto no que se refere ao entendimento dos temas abordados no espetáculo, quanto no que se refere à prática de uma ação colaborativa, cuja tônica é o desenvolvimento da autonomia criadora de cada um dos integrantes.


Os novos colaboradores do Coletivo de Teatro Alfenim, Cecilia Retamoza, Lara Torrezan, Vítor Blam, se uniram aos remanescentes da primeira montagem, Adriano Cabral, Daniel Araújo, Paula Coelho, Verônica Sousa, Zezita Matos e Wilame AC numa nova experiência criadora. Contam ainda com a participação de Gabriela Arruda na produção e Vilmara Georgina na direção de arte, sempre presentes na sala de ensaios, e efetivamente contribuindo para a recriação da escrita cênica de Milagre Brasileiro.


O grupo conta ainda com a colaboração da musicista convidada Mayra Ferreira que, juntamente com Wilame AC executa a partitura musical do espetáculo.

Quem assistiu à primeira versão de Milagre Brasileiro perceberá a radicalidade das modificações, surgidas do corpo-a-corpo da equipe com a dramaturgia, durante o processo de remontagem.

Textos foram suprimidos, cenas foram reestruturadas, arranjos e canções refeitos, a ponto do espetáculo ganhar maior impacto emocional no que se refere ao tema dos desaparecidos, e maior liberdade formal e irônica nas cenas relativas à família que adere ao golpe militar. Sugestões de espectadores também foram incorporadas.

Nossa percepção é que a profundidade do assunto, bem como sua indecente atualidade, exige uma maior concentração da energia do espetáculo, de modo que tudo aquilo que julgamos acessório foi sumariamente extirpado.

A expectativa é a de que o espetáculo ganhe em contundência e clareza, assim como em ironia e diversão.

SERVIÇO MILAGRE BRASILEIRO:

Temporada: 17 de março a 22 de abril de 2012. Todos os sábados às 20h e domingos às 17h.
Local: Casa de Cultura Cia. da Terra, número 15, Praça Antenor Navarro, Centro Histórico.
Ingressos: Na bilheteria: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)
Vendas antecipadas a preço único de R$ 10 nas lojas: Comic House, Av. Nego, número 255, Tambaú, Fone: 3227-0656 / Vida Real, Av. João Maurício – Mag Shopping, segundo piso. Fone: 3048-1155

Deixe uma resposta

Responda para enviar * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

                 
%d blogueiros gostam disto: