O DEUS DA FORTUNA NO “ESTAÇÃO SOLAR”

Encerrando as atividades da primeira edição do projeto “Estação Solar”, o Coletivo de Teatro Alfenim apresenta, nestes sábado (28) e domingo (29), às 20h, a peça “O Deus da Fortuna”. O espetáculo integra uma programação que contou com 70 atividades realizadas em dez espaços culturais da Capital, dentro do projeto desenvolvido pela Secretaria de Estado da Cultura (Secult). As sessões deste fim de semana acontecem na Fundação Casa de Cultura Companhia da Terra, na Praça Antenor Navarro. A entrada é gratuita.

O espetáculo vencedor do Prêmio Funarte de Teatro “Myriam Muniz”, por meio do gênero cômico, conta a parábola do Deus da Fortuna, figura mítica chinesa. A adaptação foi feita pelo grupo de modo a ganhar características ocidentais. Para o Coletivo de Teatro Alfenim, o resultado desse reinvento é um novo Deus da Fortuna que surge na propriedade do Senhor Wang, um capitalista à moda antiga, para lhe revelar a “metafísica” do capitalismo contemporâneo.

Ainda segundo o Coletivo de Teatro Alfenim, por meio da abordagem da crise capitalista – que se alimenta do trabalho não pago e da promessa fictícia de que o capital especulativo promoverá a felicidade futura –, o grupo experimenta a comédia “com o propósito de desmascarar a maquinaria teatral utilizada para escamotear a lógica criminosa do capital especulativo e seus derivados”.

Coletividade – O texto organizado pelo diretor Márcio Marciano foi criado a partir de um processo colaborativo com os atores, baseado no argumento do dramaturgo alemão Bertolt Brecht. Este processo teve início com a oficina “Exercícios para uma cena dialética” e o seminário “A metafísica do Capital”, que contou com a participação de intelectuais e artistas convidados a debater as relações entre o capital e a religião.

Fonte:
http://www.paraiba.pb.gov.br/?s=alfenim+

Deixe uma resposta

Responda para enviar * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.

                 
%d blogueiros gostam disto: